segunda-feira, 28 de novembro de 2011

AS VIAS DO AFORISMO

Abro um livro intitulado Conversações de Confúcio. Leio: «O meu Caminho procede de um pensamento único que liga o todo.» O autor também poderia ter dito: «O meu Caminho procede de um único todo que liga o pensamento.»
A segunda máxima, através de mudança mínima, seria tão inteligível como a primeira, embora com um sentido ligeiramente distinto. São assim muitas frases citáveis: trocamos a ordem das palavras e obtemos nova sentença.
Talvez as ideias que exprimimos de modo aforismático se reduzam a tentativas de verbalizar uma Ideia comum, rigorosamente inexprimível. Talvez haja um único Pensamento e um único Todo, de onde partem – ou onde procuram chegar – os diversos caminhos da linguagem.

Sem comentários:

Enviar um comentário